Secretaria de Saúde investiu mais de R$ 1 milhão em transporte de pacientes em 2017

Publicado em 05/02/2018 || Foto: Assessoria de Comunicação Social || Fonte: Assessoria de Comunicação Social
O Governo Municipal não tem medido esforços para manter a saúde da população em dia.  Pensando em oferecer o melhor tratamento para os pacientes atendidos na rede pública, a Secretaria Municipal de Saúde tem investido fortemente no transporte de pacientes para realização de exames, consultas médicas e tratamento em cidades referências de diferentes especialidades. Somente em 2017, a Secretaria investiu R$ 1.461.919,74 em transporte de pacientes, em quase três mil viagens realizadas pelo Estado.  

Cidades como Rosário do Sul, Uruguaiana e Santa Maria são algumas das principais localidades que recebem pacientes santanenses, para tratamento de especialidades como oftalmologia, oncologia, cardiologia e hemato-oncologia, além das demais especialidades que são desenvolvidas de forma pulverizada no Estado.

De acordo com os dados divulgados pela Pasta, em 2017 foram investidos R$ 803.246,94 em transporte de pacientes que viajaram em veículos da frota da Secretaria. Atualmente, a Secretaria conta com 50 veículos, incluindo carros, vans, ambulâncias, micro-ônibus, camionetes, caminhão e moto, distribuídos entre 22 motoristas.

Durante o ano foram realizadas 2.100 viagens, resultando no transporte de 2.970 pacientes e totalizando 1.285.590 km rodados, o equivalente a 31 voltas na circunferência da terra.

Além do transporte com a frota própria, a Secretaria de Saúde conta ainda com o transporte contratado, de pelo menos três empresas. Neste sentido, a Pasta investiu R$ 658.672,80, distribuídos de acordo com a quilometragem desenvolvida por cada empresa.  Ao todo, foram transportados 1641 pacientes divididos em 270 viagens, em um total de 200 mil km rodados, o equivalente a 4,5 voltas ao redor da terra.

Segundo o secretário responsável pela Pasta, Sérgio Aragon, as viagens com a frota própria representam uma economia para o município, resultando em gastos menores em relação ao transporte terceirizado. Pensando nisso, a Secretaria trabalha na renovação de frota, com quatro veículos em processo de licitação, que representarão mais possibilidades e conforto para os pacientes locais.

FOTO: MARCIO SANTOS/ASCOM



Material Relacionado

Os arquivos aqui disponíveis podem estar no formato PDF ou compactados. Para visualizá-los é necessário o software para leitura de arquivos PDF (Foxit Reader) ou 7zip. Caso você não possua o Foxit Reader, clique aqui para efetuar o download. Caso você não possua o 7zip, clique aqui para efetuar o download.

Arquivo(s) Relacionado(s):
Sem Arquivos Relacionados.

Vídeo(s):
Sem Vídeos Relacionados.

Foto(s) - Galeria:
Sem Galeria Relacionada.

Áudio(s):
Sem Áudio Relacionado.