Além de Livramento, 34 municípios também cancelam o Desfile a cavalo da Semana Farroupilha

Publicado em 28/08/2015 || Foto: Gabinete do Prefeito || Fonte: Gabinete do Prefeito
  Na região, o desfile não acontecerá em Livramento, Bagé, Dom Pedrito, Quaraí, Uruguaiana, São Borja, Candiota, Hulha Negra e Cacequi

 

Os cancelamentos dos Desfiles Farroupilhas se devem a uma questão de saúde pública, e o motivo é o receio em relação à doença do mormo, que atinge animais, principalmente cavalos, e que pode ser contraída por seres humanos, sendo letal. Não existe cura para a doença. Em virtude disso, o Prefeito Glauber Lima, em conjunto com 28 das 35 entidades tradicionalistas, cancelou o Desfile a cavalo do dia 20 de setembro em Sant’Ana do Livramento, através de Decreto publicado dia 21 de agosto, no Jornal Zero Hora.

A atitude do mandatário tem se repetido em todo Estado. Na região, os municípios de Bagé, Dom Pedrito, Quaraí, Uruguaiana, São Borja, Candiota, Hulha Negra e Cacequi também não realizarão o desfile a cavalo. Ao total, 34 municípios gaúchos optaram pela prevenção e garantia da saúde pública, em detrimento do evento.

Segundo levantamento, também cancelaram o Desfile em montaria os municípios de São José do Norte, São Lourenço do Sul, Capão do Leão, Caçapava do Sul, Júlio de Castilhos, Piratini, Lavras do Sul, Tapes, Santana da Boa Vista, Vila Nova do Sul, Santa Margarida do Sul, Paraíso do Sul, Tupanciretã, Santo Ângelo, Três de Maio, Camaquã, Guaíba, Rio Grande, Ciríaco, Coxilha, Vacaria, Rolante, Montenegro, Passo Fundo, Jaguari e Santa Maria.

Para o Prefeito Glauber Lima, o cancelamento do Desfile a cavalo é uma medida preventiva de saúde pública. “Infelizmente, tivemos que tomar essa difícil decisão, buscando prevenir a contaminação pela doença do mormo em Sant’Ana do Livramento, tendo em vista a gravidade desta enfermidade e a confirmação de um caso no Estado”, justificou o mandatário.

Entenda o mormo:

A doença do mormo é causada por uma bactéria e é transmitida através do contato com secreções dos animais. Apatia, secreção nasal e febre são os principais sintomas. Não há vacina nem cura para a doença.



Material Relacionado

Os arquivos aqui disponíveis podem estar no formato PDF ou compactados. Para visualizá-los é necessário o software para leitura de arquivos PDF (Foxit Reader) ou 7zip. Caso você não possua o Foxit Reader, clique aqui para efetuar o download. Caso você não possua o 7zip, clique aqui para efetuar o download.

Arquivo(s) Relacionado(s):
Sem Arquivos Relacionados.

Vídeo(s):
Sem Vídeos Relacionados.

Foto(s) - Galeria:
Sem Galeria Relacionada.

Áudio(s):
Sem Áudio Relacionado.